Contexto:

O que pode estragar uma música?

Ok, isto é uma votação sobre as razões pelas quais alguém pode estragar uma música. Ok, hoje em dia há votações para tudo e mais alguma coisa. Ok, há a liberdade de pensar e tudo isso. Mas isto é simplesmente estúpido. Proponha à Blitz a seguinte votação: Como é que se pode dar cabo de uma revista sobre música? Deixo as hipóteses à disposição de cada um…

Outra parvoíce, e desta não tenho link ou foto, infelizmente, é a promoção à _____ (preencham de acordo com a vossa consciência artística) que é o Violino no Telhado (Fiddler on the roof, se não me engana a memória e o inglês), da autoria desse pungente génio que é o Filipe La Féria (o nome, minha gente, o nome). Numa das páginas do JN, encontrei um quarto de publicidade referente a esta obra, considerada por muitos como fantástica. Entre os grandes críticos, encontram-se Carlos de Castro (…não, não vou ser assim tão óbvio!) e…Jorge Nuno Pinto da Costa, que classifica aquela laferiada de “Genial”. Ok, convenhamos que ser crítico de teatro/revista/outra coisa, não é algo que o PC domine. Pelo menos, não é do meu conhecimento. Se ainda fosse como comprar um ou outro arbitrozeco, ganhar mais uns campeonatos etceterá e tal, ainda engolia. Mas pronto, há aquela parte da peça estar em exibição no Porto, vai dai…Presumo então que quando a peça for para as bandas alfacinhas, teremos Luís Filipe Vieira a afirmar: “Fantástico, hum, hum”.

Por último, o facto dos putos hoje em dia andarem com portáteis desde tenra idade (esta expressão….não sei, tem algo de pedofílico). Um puto confessou às câmaras da Sic: “Em vez de estar com os meus amigos, estou em frente ao computador”.

Ooookeeyy…acho que é preocupante. Eu sei que acaba por ser ridículo alguém que está em frente a um computador dizer isto, mas nem sempre foi assim. Passei os meus anos escolares a jogar à bola, a jogar ao “Entra a Estátua e olha o Dente”, a correr dum lado pro outro, a jogar pingue-pongue, bilhar, em festas, etc. O mais ridículo, penso que foi a altura do Magic The Gathering. Mas até aí tinha a vantagem de ter mais uns quantos marmanjos à minha volta.

Os únicos que vão ficar a rir-se com isto tudo são os oftamologistas e os oculistas.